AdBlue near you

Consigo perceber a qualidade de AdBlue® pelo cheiro?

Uma solução de ureia limpa e fresca é um líquido transparente e inodoro. Contudo, muitas vezes o AdBlue® inicia o processo de decomposição de ureia após algum tempo de armazenamento, durante o qual é libertado amoníaco. Mesmo uma quantidade muito pequena de amoníaco provocará um odor facilmente reconhecível. Embora a decomposição de ureia signifique que a substância ativa no AdBlue® é menor, esta diminuição é em muitos casos tão pequena que não é relevante.

Apenas uma decomposição mais intensa de ureia, por exemplo devido a um armazenamento inadequado em que o produto fica exposto a luz solar direta, pode provocar uma diminuição significativa da substância ativa antes do fim do prazo de validade, ou seja, antes de decorrido um ano da produção.

A norma ISO 22241 determina, na especificação do produto, o intervalo no qual a substância ativa deve estar, nomeadamente entre os 31,8%-33,2% de ureia. Este intervalo tem de ser cumprido não só no fornecimento de AdBlue® novo, mas também durante o seu prazo de conservação, ou seja, 1 ano a partir da sua produção. Assim, se a substância ativa diminuir durante o armazenamento, por exemplo, de 32,3% para 31,9%, o AdBlue® ainda estará dentro do intervalo da especificação. Assim sendo, um ligeiro odor a amoníaco não é normalmente um defeito, mas definitivamente não é necessário senti-lo. Quanto mais fresco for o produto que recebe, menos provável é que o detete desde o início.